Diocese de Jales

Liturgia Diária / Evangelho:

|

Santo do dia:

Notícias da Diocese › 27/08/2019

Clero da Diocese de Jales vive a experiência do Retiro Espiritual após Romaria Diocesana

Após a 35ª Romaria Diocesana de Jales, de segunda-feira, dia 19, até a sexta-feira, dia 23, os Padres e Bispos da Diocese de Jales se reuniram no Seminário Santo Antônio, em Agudos-SP, para o Retiro anual do Clero. Este ano tiveram a graça de serem orientados espiritualmente por Dom Luiz Flávio Cáppio, OFM, Bispo de Barra – BA.

Dom José Reginaldo Andrietta, Bispo Diocesano de Jales, afirma que o lema da 35ª Romaria Diocesana, “Com maria oramos e praticamos a Palavra de Deus”, e o lema do Jubileu Diocesano, “Crescendo em direção a Cristo” (EF 4,1-16) estimula ao “recolhimento orante”, que é essencial para a fecundidade da missão sacerdotal.

“O retiro dos Presbíteros é fundamental para a nossa vida presbiteral, nosso ministério ordenado, porque nós buscamos no recolhimento, na oração, na meditação, inspirações mais profundas para a nossa vida ministerial, portanto, buscamos na intimidade com Cristo, esta inspiração. No momento de convivência, orando em conjunto entre todos que fazem parte do presbitério, cultivamos a fraternidade e a comunhão. Isso nos alimenta também, para que possamos nos colocar a serviço do nosso povo, de maneira muito mais qualificada, porque a Palavra de Deus é que nos inspira, então, buscamos permanentemente no retiro essa inspiração”, destacou Dom Reginaldo.

Durante os dias de Retiro, o clero experimentou momentos de oração individual e comunitária; celebração eucarística todos os dias, momentos mariano, celebração penitencial, momentos de partilha e convivência fraterna. Tudo a luz da Palavra de Deus, do Catecismo da Igreja Católica e das profundas e espiritualizadas Reflexões orientadas por Dom Cáppio e seu testemunho profético.

“Paulo VI nos ensina que para os Padres, nós precisamos dar aquilo que temos de melhor, porque os padres são aqueles que estão em contato direto com as comunidades, com as populações em suas paróquias. Então, faço isso com muito prazer, porque quero ver um clero bem espiritualizado, um clero que seja fiel a igreja e fiel ao Senhor Jesus. Assumo a orientação de retiros, para partilhar um pouco da minha vida, da minha experiência religiosa e espiritual, assim poder ajudar os nossos padres a crescer na fé, no amor, e no serviço ao povo de Deus”, afirmou o Bispo de Barra – BA.

“O Presbítero na comunidade, deve ser aquele sinal da presença do Cristo que acolhe, que acompanha, que fortalece também as pessoas com a graça de Deus, ele precisa estar na graça de Deus, e isso nós buscamos no retiro, vivenciando também nossa espiritualidade Mariana, revisando nossas vidas e, portanto, vivenciando também o sacramento da penitência, e nos momentos eucarísticos cultivamos então esta comunhão mais profunda em Cristo Jesus”, concluiu Dom Andrietta.

Foi anunciado no retiro a Ordenação Diaconal do seminarista Juliano Fortunato, no dia 12 de dezembro, às 20h, na Paróquia Cristo Luz do Mundo em Ilha Solteira, na comemoração dos 60 anos da Criação da Diocese de Jales pela Bula “Ecclesia Santa” do Papa São João XXIII.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.